Night changes
segunda-feira, 15 de dezembro de 2014 @ 20:14:00 | leave a comment?


Marcadores: , , ,

For you
terça-feira, 21 de outubro de 2014 @ 21:07:00 | leave a comment?

Even if the stars and moon collide
I never want you back into my life
You can take your words and all your lies
I really don't care

Marcadores: , ,

Bondade e Sabedoria devem ser Inocentes
terça-feira, 14 de outubro de 2014 @ 21:04:00 | leave a comment?

Quando a bondade se mostra abertamentenão é bondade, embora possa ainda ser útil como caridade organizada ou como ato de solidariedade. Daí: Não dês as tuas esmolas diante dos homens, para seres visto por eles. A bondade só pode existir quando não é percebida, nem mesmo por aquele que a faz; quem quer que se veja a si mesmo no ato de fazer uma boa obra deixa de ser bom; será, no máximo, um membro útil da sociedade ou zeloso membro de uma igreja. Daí: Que a tua mão esquerda não saiba o que faz a tua mão direita. (...) O amor à sabedoria e o amor à bondade, que se resolvem nas atividades de filosofar e de praticar boas ações, têm em comum o facto de que cessam imediatamente - cancelam-se, por assim dizer - sempre que se presume que o homem pode ser sábio ou ser bom. Sempre houve tentativas de dar vida ao que jamais pode sobreviver ao momento fugaz do próprio ato, e todas elas levaram ao absurdo
 Hannah Arendt, in 'A Condição Humana'

Marcadores: , ,

Xoxo, GG!
segunda-feira, 15 de setembro de 2014 @ 20:52:00 | leave a comment?



Marcadores: , , ,

O dia em que o amor morreu
quarta-feira, 3 de setembro de 2014 @ 15:55:00 | leave a comment?

Na manhã que o amor acabou tinha urina no chão da sala. Uma pocinha bem pequena perto da planta. Fiquei na dúvida se era água caída do pratinho do vaso ou malcriação de bicho. Talvez eu tivesse regado e dado um quarto de antibiótico pra cachorra que estava com tosse. Na dúvida, pensei em fazer de novo. Sem saber, como expliquei, se era repetido. Água em dobro e metade do remédio seriam demais. Mas não fazer, caso fosse a primeira vez, seria de menos. Eu seco, eu rego, eu medico. Os imperativos simples e práticos de verbos serviçais burlavam dores pessoais de pronomes.
Na manhã que o amor acabou, almocei na minha mãe. Ela contou que a colcha colorida não tinha saído bonita na foto do site da imobiliária. Eu chorei e ela quis saber se colcha colorida me lembrava alguma coisa. Não lembrava. Mas as frases com alguma graça e nascidas pra nada emprestavam o charme da sua promessa, sempre me sabendo em urgências dosadas. Eu retornava com a felicidade direta de quem é procurada antes de se proteger e apertava suas letras comprovando, com minha digital, uma existência catalogada. Meu pensamento era um carimbo no horizonte toda vez que você gostava de ouvir.
Foram duas lágrimas. A primeira despencou rapidamente, como um suicida magrinho e sem talento. A segunda ficou um tempo ninada pelas bordas até que caiu já quase seca nem passando da metade do rosto. O sofrimento foi tão ralo que sequer alcançou o nariz. Fiquei com preguiça de alguma saudade surpresa crescer escondida e me apunhalar em brechas de fraqueza e carinho, mas ela nunca apareceu e agora, se chegasse, seria só uma fantasia bordada de última hora pelo tédio. Na manhã que o amor acabou, eu cismei que probióticos me protegem de não pegar gripe e que pego gripe sempre que o amor acaba. Me enchi de iogurte e isso me mostrou uma novidade em ver um amor acabando: era momento de adorar cabisbaixa uma história mas eu estava mais ocupada em me lançar cuidadosa aos dias que nem existiam.
Que nome tem estar cagando pra única coisa mais importante do mundo? Veja que desde o começo do ano passado, só pra citar tempos recentes, o amor já acabou três vezes. Acabou em março, em agosto e agora em fevereiro. Mas, só porque o cinismo nos dá gosto pelo jogo do contrário, posso dizer também que, desde o começo do ano passado, o amor já começou três vezes. Começou em janeiro, em junho e em novembro. Temos uma média de três a cinco meses tanto pro amor começar quanto pra ele acabar. O que significa que logo mais tamos aí. E depois tamos aí de novo. Como se essa coisa que tanto aconchega a loucura, como se essa coisa que tanto acidifica os cortes, como se essa coisa que tanto vulcaniza os tamanhos. Não passasse de um ping pong exato que satiriza as metáforas de profundidade.
E só porque o cinismo nos dá gosto também pelo jogo do tudo a mesma merda. Até pouco tempo, tinha essa coisa de Nina Simone regida pela buzina de muco nasal no papel higiênico. Mas pra cada dia daquela semana em que o amor acabou, eu tinha uma entrega importante de trabalho e, se não me engano, uns dois almoços bem importantes e pelo menos um dos meus médicos bem difíceis de marcar. A vida seguiu tão normalzinha, eu falei pra minha analista. Tanto que você tá estranhando, ela respondeu. É. Sorrimos sem intensidade e duração, da casca que agora separava meu sangue de salivas. São águas que correm paralelas com uma pele no meio. Ela só disse “olha que bom” e ser tratada como uma pessoa não foi mais tão horrível. Eu amo pouco agora que não morro mais? Ela não respondeu. Depois mordi bem forte meu braço sem definir se era homenagem, despedida ou inconformismo. Ficou a suspeita de um espasmo de vício humilhado pela desimportância do costume.
Tati Bernardi

Marcadores: , ,

Walk away - Paula DeAnda


I'm gonna remember you
You gonna remember me

Marcadores: , ,

Linguado, você é mesmo um frouxo!
segunda-feira, 25 de agosto de 2014 @ 23:31:00 | leave a comment?


Marcadores: , ,

domingo, 3 de agosto de 2014 @ 17:28:00 | leave a comment?

Aprendi também que por mais que você queira muito alguém, ninguém vale tanto à pena a ponto de você deixar de se querer.

Marcadores: , , ,


Cansada de tudo que começa. Hoje eu queria alguma coisa que continuasse.

Marcadores: , , ,

¿Quien Te Dijo Eso? - Luis Fonsi ♫
terça-feira, 29 de julho de 2014 @ 21:33:00 | leave a comment?

Quem te disse isso? ­­Quem te disse que eu me esqueci de você, que eu durmo tranquila e jamais sonho contigo? Que passou tudo, quem te disse isso? Quem te disse que eu já não penso em você, que é história passada o amor que me dava? Que passou tudo, quem te disse isso? Não acredite que não te quero. Ai, quanto, quanto mentiram para você! Quem te disse isso, se eu fico na casa vazia, se me falta um pedaço do céu? Quem te disse isso? Quem te disse que eu não lutei por você, que cruzei os braços, deixando entrar o fracasso? Que passou tudo, quem te disse isso? Eu me vejo como uma louca de tanto chorar por você. Interromperam minha vida. A esperança se foi. Já não posso fazer nada, nada me alcança. Eu somente queria que o mundo não mentisse para você e que soubesse que estou desesperada, como um peixe que se afoga em seu próprio mar. Quem te disse isso? Não acredite que eu não te quero. Ai, quanto, quanto mentiram para você!

Marcadores: ,

Gossip Girl - Você Sabe Que Me Ama / Pag 272

Nate baixou a cabeça e foi beijando a lateral do pescoço de Jenny, perto do seu maxilar, até chegar à boca. Jenny apertou os olhos e retribuiu o beijo. Sentia-se como uma princesa em um conto de fadas, e não queria acordar jamais.

Marcadores: , , ,

You Know I Will - Lucas Grabeel
domingo, 20 de julho de 2014 @ 21:55:00 | leave a comment?

There's a hill we gotta climb
There's a treasure we must find
The two of us as friends ready to take on the world
We'll see who can touch the sky
We'll see who can jump that high
Everyday is an adventure, we're ready to take on the world
And through all the ups and downs
I'll alway be around
You know if nothing goes your way
When nothing goes your way
You know I will
I'll stand between you and your darkest fears
You know I will
I'll be the shoulder
Boy your falling tear
You know I will
I'll be behind you till you're in the clear
When sunlight shows it's face
You and me we take our place
We're legendary heroes, we're ready to take on the world
So from there the chase begins
If we go, we both will win
When we're having fun there's no one else in the world
And if you slip and fall off the track
I'll carry you on my back
You know if nothing goes your way
When nothing goes your way
You know I will
I'll stand between you and your darkest fears
You know I will
I'll be the shoulder
Boy your falling tear
You know I will
I'll be behind you till you're in the clear
You know I will

Marcadores: , , ,

sábado, 19 de julho de 2014 @ 15:47:00 | leave a comment?

You're vain, your games, you're insecure
You love me, you like her
You make me laugh, you make me cry

Marcadores: , ,

Minha vida em suas mãos
terça-feira, 8 de julho de 2014 @ 13:28:00 | leave a comment?

Sem perceber, as lágrimas caíam dos seus olhos. Ela daria tudo para abraça-lo, tocar o seu rosto, ouvir a sua voz! Não era desejo carnal, mais um amor inexplicável, um desejo diferente. Ela não encontrava explicação para o que sentia, tinha sensação de que sempre esteve em um lugar escuro e de repente, ele entrou mostrando um mundo diferente e desconhecido.

Marcadores: ,

Drica Pinotti - de menina a mulher
segunda-feira, 7 de julho de 2014 @ 16:03:00 | leave a comment?

E um dia [...] acontece! Você se olha no espelho e lá está ela. Não! Não é uma capivara, não! Uma mulher: você! Segura, sedutora, responsável, sentindo que conhece todas as respostas certas (nunca saberemos se estão certas de verdade!). Guerreira, batalhadora, pronta para enfrentar situações difíceis e vencer. E o mundo a espera. Ele chama por você. Não tenha medo. Mas, de repente, no momento seguinte, você é frágil, meiga, carinhosa, insegura e aí os homens morrerão por você. Você vai querer colo, proteção e atenção. E téra, desde que saiba pedir.

Marcadores: ,

Happy new year
terça-feira, 27 de dezembro de 2011 @ 19:19:00 | leave a comment?

Marcadores: ,

Mistletoe
domingo, 25 de dezembro de 2011 @ 20:51:00 | leave a comment?

Marcadores: , ,

we can make a beautiful Christmas
sábado, 24 de dezembro de 2011 @ 23:00:00 | leave a comment?

Marcadores: , ,

All I want for christmas is you

Marcadores: , ,

Afinal, o que te faz feliz?
sexta-feira, 2 de dezembro de 2011 @ 20:34:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

uma casa
quinta-feira, 1 de dezembro de 2011 @ 22:35:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

uma rua
quarta-feira, 30 de novembro de 2011 @ 20:01:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

o carro que você sempre quis
terça-feira, 29 de novembro de 2011 @ 18:47:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

o aumento
segunda-feira, 28 de novembro de 2011 @ 17:48:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

arroz com feijão
domingo, 27 de novembro de 2011 @ 20:49:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

chocolate
sábado, 26 de novembro de 2011 @ 20:50:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

ou goiabada com queijo
sexta-feira, 25 de novembro de 2011 @ 20:52:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

um doce
quinta-feira, 24 de novembro de 2011 @ 21:00:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

o que faz você feliz?
quarta-feira, 23 de novembro de 2011 @ 20:05:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

o céu
terça-feira, 22 de novembro de 2011 @ 18:03:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

o mar
segunda-feira, 21 de novembro de 2011 @ 22:05:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

a lua
domingo, 20 de novembro de 2011 @ 21:06:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

o sol
sábado, 19 de novembro de 2011 @ 21:53:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

a praia
sexta-feira, 18 de novembro de 2011 @ 18:08:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

um parque
quinta-feira, 17 de novembro de 2011 @ 22:09:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

um chafariz
quarta-feira, 16 de novembro de 2011 @ 21:12:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

passear
terça-feira, 15 de novembro de 2011 @ 20:13:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

ou viver...
segunda-feira, 14 de novembro de 2011 @ 21:15:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

o que te faz feliz?
domingo, 13 de novembro de 2011 @ 18:17:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

... um romance
sábado, 12 de novembro de 2011 @ 23:19:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

paixão
sexta-feira, 11 de novembro de 2011 @ 21:11:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

um beijo
quinta-feira, 10 de novembro de 2011 @ 20:23:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

um cafuné
quarta-feira, 9 de novembro de 2011 @ 21:50:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

rir a toa
terça-feira, 8 de novembro de 2011 @ 21:26:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

sentir o vento
segunda-feira, 7 de novembro de 2011 @ 20:27:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

ou são os sonhos que te fazem feliz?
domingo, 6 de novembro de 2011 @ 22:28:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

dormir cedo ou acordar tarde
sábado, 5 de novembro de 2011 @ 21:30:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

dormir na rede
sexta-feira, 4 de novembro de 2011 @ 21:55:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

esquecer o tempo
quinta-feira, 3 de novembro de 2011 @ 17:31:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

as letras
quarta-feira, 2 de novembro de 2011 @ 12:32:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

ler
terça-feira, 1 de novembro de 2011 @ 23:33:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

a pausa para pensar
segunda-feira, 31 de outubro de 2011 @ 21:34:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

a pessoa ou o lugar
domingo, 30 de outubro de 2011 @ 19:35:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

ou será um choro que te faz feliz?
sábado, 29 de outubro de 2011 @ 21:03:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

uma dança
sexta-feira, 28 de outubro de 2011 @ 20:37:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

um lápis
quinta-feira, 27 de outubro de 2011 @ 19:38:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

um pássaro
quarta-feira, 26 de outubro de 2011 @ 19:38:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

matar a sede
terça-feira, 25 de outubro de 2011 @ 20:40:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

matar a saudade
segunda-feira, 24 de outubro de 2011 @ 21:41:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

café com leite
domingo, 23 de outubro de 2011 @ 21:58:00 | leave a comment?



Marcadores: , ,

Agora me diz... o que faz você feliz?
sábado, 22 de outubro de 2011 @ 21:44:00 | leave a comment?




Marcadores: , ,

sábado, 20 de agosto de 2011 @ 21:59:00 | leave a comment?

O que acaba são algumas de nossas expectativas e desejos, que são substituídos por outros no decorrer da vida. As pessoas não mudam na sua essência, mas mudam muito de sonhos, mudam de pontos de vista e de necessidades, principalmente de necessidades. O amor costuma ser moldado à nossa carência de envolvimento afetivo, porém essa carência não é estática, ela se modifica à medida que vamos tendo novas experiências, à medida que vamos aprendendo com as dores, com os remorsos e com nossos erros todos. O amor se mantém o mesmo apenas para aqueles que se mantém os mesmos.

Marcadores: , ,

Dragão, dragão, lagarto não!


Marcadores: , , ,



Marcadores: , , ,

Parabéns praga *-*
sexta-feira, 19 de agosto de 2011 @ 10:17:00 | leave a comment?


Hoje é um dia todo especial... Hoje é o seu aniversário, um dia em que você dá mais um passo para novos caminhos e conquistas, um dia marcante em seu coração. Saiba que você é uma boa parte da minha vida, a parte de alegrias. Você me ajudou a sorrir, e hoje desejo não só um sorriso seu, mas um grito de felicidade. Desejo que você ainda dê muitos passos e conquiste seus objetivos, pois capacidade para isso não lhe falta. E que você tenha sempre a felicidade em seu olhar, não só neste dia, mas em toda sua vida. E é com todo carinho e sinceridade que eu te digo: Parabéns! Te quiero.
I pray to God everyday,
that you keep that smile


Marcadores: , ,


← older post
newer post →